20191226CTT CaparicaEstá entregue na Assembleia da República a petição contra o encerramento dos CTT no Monte de Caparica, mas não termina aqui a luta para que nesta freguesia volte a haver uma estação dos Correios.
¤ 27-dez-2019

 

Em apoio à petição (que como abaixo-assinado será enviada também ao Primeiro-ministro e à administração dos CTT) foram recolhidas 3625 assinaturas (1082 na Internet e 2543 em papel). Está assim garantido que o problema será discutido no Parlamento, em comissão.

A luta para que volte a haver uma estação dos CTT no Monte de Caparica vai prosseguir, sob outras formas, a analisar pela Junta e sempre a considerar o interesse comum e a disponibilidade da população para as acções que se revelem adequadas,

Assim sucedeu desde o início deste processo, com o lançamento da petição e com a realização de uma concentração, no dia anunciado para o encerramento dos CTT, 21 de outubro.

A 25 de outubro, realizou-se uma sessão extraordinária da Assembleia da União das Freguesias de Caparica e Trafaria, integralmente dedicada à defesa da continuação dos CTT no Monte de Caparica.

A posição dos órgãos da autarquia sobre este tema assenta no conteúdo das duas moções então aprovadas:
- «Pela manutenção da estação dos CTT do Monte de Caparica»;
- «Queremos a Estação dos CTT do Monte de Caparica».

É igualmente tida em consideração a moção «Em defesa do serviço público dos CTT», aprovada no 16.º Congresso da Associação Nacional de Freguesias.

 

Faz falta a estação

As preocupações causadas pelos prejuízos do encerramento do posto dos CTT (que funcionava em concessão, por decisão da administração da empresa, substituindo a estação) foram transmitidas pela Junta à ANACOM, a autoridade que tem a incumbência de regular, supervisionar e fiscalizar o setor postal.

A informação, recebida há cerca de um mês, de que os CTT celebraram um acordo (não protocolo) com a Associação Vale de Acór, para a reabertura do posto em janeiro, não constitui a resposta que se exige a este problema.

Continua válida a reivindicação de reabertura da estação dos CTT, que durante tantos anos funcionou no Monte de Caparica.


 

20191014Peticao CTT CaparicaPetição

Contra o fecho dos CTT no Monte de Caparica

Foi com grande preocupação que os abaixo-assinados tiveram conhecimento da decisão dos CTT de encerrarem o posto de Correios no Monte de Caparica, a partir do dia 21 de Outubro de 2019.
Este é mais um serviço público que encerra nas nossas freguesias, agora privando as populações do acesso ao serviço postal ou, no mínimo, dificultando-o, pois obrigará a deslocações bastante mais longas.
É um cenário que se anunciava, desde que foi conhecida a concessão da estação dos CTT. Desde logo, esta mudança suscitou na população sérias dúvidas acerca das condições para garantir a continuidade da prestação do serviço postal.
O anúncio do encerramento comprova que nada de bom resultou da privatização dos CTT e que só o regresso desta empresa à esfera pública poderá garantir um efectivo serviço público.
Os abaixo-assinados exigem a reversão desta medida tão prejudicial para quem vive, trabalha e estuda na Caparica e declaram que estarão com a população em todas as lutas que vierem a ser travadas com este objectivo.